12h49 - quinta, 12/12/2013

Exposição de presépios
para ver em Estremoz

Exposição de presépios para ver em Estremoz

Uma exposição de presépios, feitos em diferentes materiais, com destaque para a barrística de Estremoz, da autoria de 23 artesãos do concelho, está a ser apresentada na Galeria Municipal D. Dinis, em Estremoz.
A sétima edição da exposição "Presépios de Artesãos do Concelho de Estremoz", organizada pela Câmara, através do Museu Municipal, está patente ao público até ao dia 6 de Janeiro de 2014.
Trata-se, segundo o director do Museu Municipal de Estremoz, Hugo Guerreiro, de "uma das mostras mais importantes em termos de qualidade artística presepista em Portugal e a principal do Alentejo".
Os artesãos de Estremoz apresentam presépios na área da barrística e outros feitos com diferentes materiais.
De acordo com o Município, actualmente, são dezenas os artesãos locais que se dedicam à feitura de presépios, utilizando as mais diversas matérias-primas, demonstrando que, em Estremoz, não são apenas os barristas que se dedicam à arte dos presépios, como acontecia antigamente.
A autarquia, através do Museu Municipal Professor Joaquim Vermelho, "tem tido nos últimos anos a preocupação de relançar a arte presepista no concelho", ampliando o leque de propostas aos artesãos que trabalham nas mais variadas matérias-primas.
O objectivo, de acordo com os promotores da exposição, "passa por incentivar a continuação da produção desta arte tão portuguesa, mas também por incentivar a inovação para que todos os anos os artesãos apresentem peças diferentes".
Os promotores desta mostra anual pretendem "tornar Estremoz como uma referência na área presepista", como já foi antigamente.
O presépio de Estremoz é uma peça actualmente muito solicitada aos barristas locais.
Também em Estremoz, está patente ao público, no Palácio dos Marqueses de Praia e Monforte, a exposição "Presépios do Mundo", uma mostra que inclui, segundo o município, "algumas das mais interessantes peças" da colecção particular do major-general Fernando Canha da Silva.
A exposição, que pode ser visitada até 6 de Janeiro, integra presépios de todos os continentes, nos mais diversos suportes e com as mais diversas formas.
Esta mostra conta com o apoio do Regimento de Cavalaria 3, de Estremoz.
Outro presépio pode ainda ser apreciado no coreto municipal, até 5 de Janeiro, elaborado com materiais reutilizáveis, enquanto uma colecção de oito presépios de Pedro Cravo está patente ao público no posto de turismo, até 12 de Janeiro.


COMENTÁRIOS

* O endereço de email não será publicado
00h00 - sábado, 30/04/2016
Poder Local em
debate em Alvito
O auditório do Agrupamento de Escolas do Concelho de Alvito recebe este sábado, 30 de Abril, a partir das 9h30, a conferência "Poder Local e Desenvolvimento".
00h00 - sábado, 30/04/2016
Timor-Leste conhece
potencial de Almodôvar
Uma delegação oficial do Governo de Timor Leste, liderada pelo vice-ministro, Tomás Cabral, esteve recentemente em Almodôvar, onde conheceu as potencialidades do concelho.
00h00 - sábado, 30/04/2016
Câmara de Beja
quer "florir" a cidade
Fomentar a participação activa dos cidadãos no embelezamento da cidade é um dos objectivos da campanha "Florir Beja", lançada esta sexta-feira, 29 de Abril, pela autarquia.
00h00 - sexta, 29/04/2016
Campanha Laço Azul
passa por Aljustrel
A Comissão de Protecção e Crianças e Jovens (CPCJ) de Aljustrel promove esta sexta-feira, 29, diversas actividades para promover o combate aos maus-tratos na infância e juventude.
00h00 - sexta, 29/04/2016
Assembleia da
CIMBAL chumbou
AMAlentejo
A Assembleia Intermunicipal da CIMBAL – Comunidade Intermunicipal do Baixo Alentejo rejeitou a adesão ao AMAlentejo, que defende a criação de uma Comunidade Regional do Alentejo.

Data: 29/04/2016
Edição n.º:
Contactos - Publicidade