\"Fiquei muito surpreendido e feliz\", porque o prémio, atribuído pela livraria Esprit BD, é \"importante\" e vai \"dar uma amplitude ao livro que, de outra forma, não teria\", explica Paulo Monteiro à Agência Lusa.' /> Livro de Paulo Monteiro vence prémio em França [Correio Alentejo] \"Fiquei muito surpreendido e feliz\", porque o prémio, atribuído pela livraria Esprit BD, é \"importante\" e vai \"dar uma amplitude ao livro que, de outra forma, não teria\", explica Paulo Monteiro à Agência Lusa.' >
00h00 - terça, 21/01/2014

Livro de Paulo Monteiro
vence prémio em França

Livro de Paulo Monteiro vence prémio em França

O primeiro livro do autor português de banda desenhada Paulo Monteiro, director da Bedeteca de Beja, venceu o "Prix Sheriff D'or 2013", após a edição da obra em França.
"Fiquei muito surpreendido e feliz", porque o prémio, atribuído pela livraria Esprit BD, é "importante" e vai "dar uma amplitude ao livro que, de outra forma, não teria", explica Paulo Monteiro à Agência Lusa.
O livro O amor infinito que te tenho e outras histórias, já premiado em Portugal, foi lançado em França, em Junho do ano passado, pela editora Six Pieds Sous Terre, com o título L'amour infini que j'ai pour toi, tendo recebido críticas favoráveis por parte dos media especializados e de jornais generalistas franceses, como o "Le Monde".
O Prix Sheriff D'or é seguido "com muito interesse na imprensa francesa e pelos leitores" e, por isso, a atribuição do prémio é "uma oportunidade fantástica de chegar a mais leitores, o que, em última análise, é o mais importante", frisa o autor, que já tinha ficado "muito contente" com a nomeação, porque o mercado de banda desenhada em França é "gigantesco".
A obra de estreia de Paulo Monteiro está também nomeada para melhor banda desenhada em outros dois prémios em França: "Prix Bulles De Cristal 2014", criado pela livraria Ange Bleu, a sul de Paris, e "Prix Lycéen De La Bd Midi-Pyrénées 2014", indicado pelos estudantes das escolas da região dos Pirinéus.
Natural de Vila Nova de Gaia, onde nasceu em 1967, Paulo Monteiro dirige a Bedeteca e o Festival Internacional de Banda Desenhada de Beja.


COMENTÁRIOS

* O endereço de email não será publicado
07h00 - sexta, 22/02/2019
"PSD tem que sair
da Praça da República"
O empresário Gonçalo Valente, 38 anos, é o novo presidente da Distrital de Beja do PSD e em entrevista ao "CA" revela as prioridades dos sociais-democratas da região para os próximos dois anos.
07h00 - sexta, 22/02/2019
Resialentejo recolhe
tampas de plástico
A empresa intermunicipal Resialentejo, que opera em oito concelhos do distrito de Beja, estabeleceu um protocolo com a "Coração Delta", do Grupo Nabeiro, para a dinamização do projecto "Dê Uma Tampa".
07h00 - sexta, 22/02/2019
Odemira eleita na Rede
das Cidades Educadoras
A Câmara de Odemira foi reeleita, pela terceira vez, para a comissão coordenadora da Rede Territorial Portuguesa das Cidades Educadores, que é constituída por 74 municípios de Norte a Sul do país.
07h00 - quinta, 21/02/2019
EMAS Beja
melhora gestão de
águas residuais
Colocar a cidade de Beja "como uma referência" ao nível do tratamento de águas residuais urbanas é o grande objectivo da Empresa Municipal de Água e Saneamento (EMAS) de Beja, que vai implementar em 2019 um plano operacional estratégico para alcançar "uma melhoria significativa" na gestão das redes de águas residuais do concelho.
07h00 - quinta, 21/02/2019
PS de Beja elogia
passagem do Museu
Regional para a DRCA
A Concelhia de Beja do PS elogia a transferência do Museu Regional para a tutela da Direcção Regional de Cultura do Alentejo (DRCA), considerando que esta "potenciará Beja e o seu património junto de um público muito mais alargado".

Data: 22/02/2019
Edição n.º:
Contactos - Publicidade - Estatuto Editorial