00h00 - sexta, 08/09/2017

Artes do Mediterrâneo
para ver em Castro Verde

Artes do Mediterrâneo para ver em Castro Verde

O Mediterrâneo "desagua" neste fim-de-semana, 8 a 10 de Setembro, na vila de Castro Verde, que recebe mais uma edição da Planície Mediterrânica, festival organizado pela autarquia local e integrado na rede "Sete Sóis Sete Luas".
O certame "abre portas" às 18h00 desta sexta-feira, 8, na rua D. Afonso I, com a abertura das diferentes exposições e cante alentejano com o Grupo Coral Juvenil de Castro Verde. Neste primeiro dia destaque ainda para a apresentação da curta-metragem "Misantropo", de Guilherme Peleja (19h30 nos Paços do Concelho) e para a música com "Os Ganhões de Castro Verde" e os italianos Piccola Banda Ikona (21h30 no anfiteatro municipal), e os portugueses Akhorda (23h30 na tenda junto à Basílica Real). À mesma hora (23h30) decorrerá na rua D. Afonso I o concerto/oficina de cante "Alta vai a noite", com Pedro Mestre e outros tocadores de viola campaniça.
No sábado, 9, a Planície Mediterrânica começa às 9h00 com uma feira de velharias na Praça da República, seguindo-se a inauguração da nova exposição do Museu da Lucerna, "1.000 Anos de Mediterrâneo em Castro Verde" (11h30), e uma oficina de dança com Elsa Shams (11h30).
De tarde tem lugar um roteiro pelas tabernas de Castro Verde (15h00), uma oficina de dança com Adamne Diop (17h00) e a actuação do acordeonista Jorge Alves, "As Camponesas de Castro Verde" e o Grupo de Violas Campaniças (18h00). O concerto da banda "Les Voix des 7 Lunes" (21h30), o espectáculo de teatro de rua "Su à Feu", da companhia basca Deabru Beltzak (23h00), e o espectáculo de Celina da Piedade (24h00) são os destaques da noite.
A Planície Mediterrânica 2017 termina no domingo, 10, com um concerto de Carminho às 19h00. Antes, destaque para um passeio para observação da avifauna (8h00) e mais oficinas da dança. Haverá ainda música com os portugueses Terraxama (15h00) e os espanhóis Akdeniz (16h30), circo com a companhia Marimbondo (16h00) e uma "Tarde na Eira" com "As Vozes de Casével" e o acordeonista Tiago Rodrigues.
O festival é fruto da parceria entre a Câmara de Castro Verde, Associação Sete Sóis Sete Luas e Associação PédeXumbo, em colaboração com as associações e colectividades do concelho.


COMENTÁRIOS

* O endereço de email não será publicado
07h00 - sábado, 20/01/2018
Palestra da Associação
Equestre de Aljustrel
A Associação Equestre de Aljustrel promove na tarde deste sábado, 20 de Janeiro, pelas 16h00, a palestra "O cavalo como meio terapêutico: montado e engatado".
00h00 - sábado, 20/01/2018
Núcleo museológico
dos Aivados em festa
O Núcleo Museológico dos Aivados/ Aldeia Comunitária, no concelho de Castro Verde, assinala na tarde deste sábado, 20 de Janeiro, o seu terceiro aniversário com uma conferência.
00h00 - sábado, 20/01/2018
Feira do Pau Roxo
em Castro Verde
Como manda a tradição, a vila de Castro Verde recebe neste sábado, dia 20 de Janeiro, mais uma edição da Feira de São Sebastião, popularmente conhecida como "Feira do Pau Roxo".
00h00 - sábado, 20/01/2018
Petiscos e baldão
no concelho de Odemira
A Casa da Nave, na pequena aldeia de Nave Redonda, na freguesia de Sabóia (Odemira), recebe neste sábado, 20, a última sessão do roteiro de música tradicional e gastronomia "Sonoridades & Sabores".
00h00 - sexta, 19/01/2018
Centro interpretativo de
música portuguesa em Beja
O Centro Unesco para a Salvaguarda do Património Cultural Imaterial em Beja vai passar a ser também, a partir de Abril, um centro de interpretação ligado ao projecto "A Música Portuguesa a Gostar Dela Própria".

Data: 12/01/2018
Edição n.º:
Contactos - Publicidade - Estatuto Editorial