00h00 - segunda, 18/06/2018

Rui Saturnino lidera
Mineiro Aljustrelense

Rui Saturnino lidera Mineiro Aljustrelense

Requalificar a sede social do clube, envolver mais os associados no dia-a-dia da instituição e construir uma equipa capaz de chegar ao título distrital são as metas assumidas pelo novo presidente do Mineiro Aljustrelense. Rui Saturnino foi eleito para o cargo a 11 de Junho, depois de o emblema da vila das minas ter passado o último ano gerido por uma comissão administrativa.
"Como já fazia parte da comissão administrativa, cheguei à conclusão que tinha de dar este passo, pois estava a ver – mesmo em termos de futebol sénior, em que a época tem de ser preparada com muita antecedência – que se não avançasse as coisas podiam tornar-se difíceis", assume ao "CA" o novo presidente do Aljustrelense, de 37 anos.
Um passo, continua Rui Saturnino, que é dado com muito orgulho. "Comecei cedo a acompanhar o Mineiro Aljustrelense, no 'velhinho' Campo das Minas, e a partir daí criei um grande amor pelo clube e sempre sonhei com este momento. É uma maneira de fazer alguma pela minha terra e pelo clube", diz.
Rui Saturnino vai liderar o Mineiro no biénio 2018-2020 e não espera encontrar qualquer "surpresa" menos agradável. "Em termos financeiros o clube apresenta uma grande estabilidade, fruto do trabalho da última comissão, que pagou algumas dívidas que vinham de anteriormente e deixou alguma margem de conforto", afirma o dirigente, deixando a garantia de que todas as equipas e modalidades terão "mais condições e mais apoio".
É tendo por base este quadro de estabilidade que Rui Saturnino assume como uma das grandes prioridades a requalificação da actual sede, "que está desadequada e antiquada e é pouco frequentada pelos associados". "Queremos chamar gente para uma sede renovada, que poderá também ser uma fonte de receita para o clube", diz.
O novo presidente do Mineiro Aljustrelense pretende igualmente "fomentar a participação" dos associados na vida do clube, "como houve outrora", ao mesmo tempo que ambiciona um maior "envolvimento" dos pais e das famílias, sobretudo na formação.
Os novos órgãos sociais do Mineiro Aljustrelense contam ainda com João Korrodi como presidente da Mesa da Assembleia Geral, enquanto Rui Pereira é o novo presidente do conselho fiscal.


COMENTÁRIOS

* O endereço de email não será publicado
07h00 - terça, 13/11/2018
Odemira aposta na
valorização do rio Mira
Materializar a política de valorização das margens do rio Mira na área do concelho de Odemira, desde a barragem de Santa Clara até Vila Nova de Milfontes é o objectivo do Plano Estratégico e Operacional de Valorização do Rio Mira, promovido pela Câmara de Odemira.
07h00 - terça, 13/11/2018
Documentário filmado
em Mértola premiado
O documentário "Terra", co-realizado por Hiroatsu Suzuki e Rossana Torres e filmado no concelho de Mértola, arrecadou o prémio para melhor filme da competição portuguesa durante a última edição do festival DocLisboa.
07h00 - segunda, 12/11/2018
Cine-teatro de Almodôvar
pronto para reabrir portas
Depois de cerca de seis anos de obras de requalificação, com atrasos e muitos problemas pelo meio, o cine-teatro municipal de Almodôvar vai reabrir portas no próximo ano de 2019.
07h00 - segunda, 12/11/2018
PCP alerta para falta
de médicos em Ourique
Um em cada cinco utentes residentes no concelho de Ourique não tem médico de família atribuído, num total de 1081 pessoas, sobretudo oriundas da freguesia de Garvão.
07h00 - segunda, 12/11/2018
Câmara de Odemira elogia
abandono do projecto
de prospecção de petróleo
A Câmara de Odemira aprovou a 31 de Outubro, por unanimidade, manifestar a congratulação pelo facto de o consórcio ENI/ GALP ter abandonado o projecto de prospecção e exploração de petróleo ao largo do Alentejo Litoral.

Data: 09/11/2018
Edição n.º:
Contactos - Publicidade - Estatuto Editorial