07h00 - quinta, 18/04/2019

Primavera com muita(s)
arte(s) em Castro Verde

Primavera com muita(s) arte(s) em Castro Verde

Primavera é sinónimo de artes e cultura em Castro Verde! A Câmara Municipal promove a partir deste sábado, 20 de Abril, o festival "Primavera no Campo Branco", que até final do mês vai levar aos quatro cantos do concelho concertos, exposições, espectáculos de teatro, artes plásticas, desporto, actividades infantis e de ar livre, entre outras iniciativas.
"A oferta diversificada de expressões culturais e artísticas no concelho de Castro Verde tem um ponto alto nesta altura do ano", nota o vice-presidente da autarquia, sustentando que o festival pretende "proporcionar a todos e a todas diferentes propostas culturais", sendo "um factor de inegável importância na promoção da qualidade de vida".
Além do mais, acrescenta David Marques, o festival permite "mostrar e tornar visíveis as criações locais", o que é "igualmente importante, pois reforçam-se os laços de identidade de pertença e promove-se a prática e a fruição cultural". "Por outro lado, é um importante momento de convite para que visitem Castro Verde", reforça.
O festival "Primavera no Campo Branco" arranca neste sábado, 20, sendo que o programa do primeiro dia inclui, em Castro Verde, um mercadinho na Praça da Liberdade (9h00), animação de rua com o trio de percussão "Pele e Pele" (10h00), a inauguração da exposição "Venham mais 45! – O 25 de Abril visto pelas crianças" no Parque Infantil (11h00), a abertura do Fórum do Livro no Fórum Municipal (17h00) e o espectáculo de teatro "Quero ir prá ilha", de Carlos Areia, no cine-teatro (21h30).
Durante a tarde haverá ainda cante e música popular com os grupos "Vozes de Casével" e "Cruzeiro" no Centro de Convívio de São Marcos da Atabueira (16h00) e artes circenses na Sete, com o grupo "Tosta Mista" (17h00).
Um dos pontos altos da "Primavera no Campo Branco" são as comemorações do 45º aniversário do 25 de Abril, previstas para os dias 24 e 25 de Abril na Praça da República. Será "uma celebração que se pretende aberta, em festa, envolvendo as diferentes gerações em torno de um conjunto de espectáculos", observa David Marques.
Nesse sentido, na noite de quarta-feira, 24, a partir das 21h00, há música na Praça da República com "Os Ganhões de Castro Verde", "Vozes do Sul", Virgem Suta e DJ Mikas. E na quinta-feira, 25, actua em Castro Verde, pelas 19h00, Paulo de Carvalho, uma das vozes incontornáveis da "Revolução dos Cravos". Antes realiza-se uma tarde popular com "As Camponesas de Castro Verde", "Os Alentejanos da Damaia" e o Rancho Folclórico e Etnográfico de Odiáxere (17h00).
A peça de teatro "Na ribeira cantávamos", orientada por Leonor Alcácer (domingo, 21, às 21h30); a inauguração da exposição "Da vinha à taberna", no Museu da Ruralidade (26 de Abril às 18h00); o espectáculo de stand up comedy "Fragmentos", pelo colectivo Imperphectus (também no dia 26 de Abril, às 21h30); um encontro de bandas filarmónicas (dia 27 de Abril às 16h00); e o concerto de piano e voz "Contraponto", com João Ventura (dia 28 de Abril às 21h30), são outros dos destaques da "Primavera no Campo Branco" em 2019, que encerra ao som da viola campaniça dedilhada por Pedro Mestre, num espectáculo agendado para as 21h30 de 30 de Abril no cine-teatro e que servirá para o músico natural do Monte da Sete apresentar o seu novo disco, "Mercado dos Amores".
Os livros e a literatura são outro dos atractivos da quinzena cultural de Castro Verde, sendo que na segunda-feira, 22 de Abril, pelas 21h30, se celebra o 24º aniversário da Biblioteca Municipal Manuel da Fonseca, com a apresentação do livro A mulher que correu atrás do vento, de João Tordo, e o espectáculo "As palavras", de Rui Oliveira.
Durante os dias de "Primavera no Campo Branco" decorre, no Fórum Municipal, o Fórum do Livro, onde além de centenas de títulos à disposição para compra vão passar autores como Malino e Vítor Encarnação (sábado, 20), Nuno Camarneiro (terça e quarta-feira, 23 e 24), Luísa Virtudes (27 de Abril), Fernando Mesquita (28 de Abril) e Luís Portugal (29 de Abril).


Notícias Relacionadas

COMENTÁRIOS

* O endereço de email não será publicado
07h00 - quinta, 17/10/2019
EMAS Beja sensibiliza
para participação pública
Estimular a participação e integrar a comunidade na vida pública, através da apresentação de projectos, de ideias inovadoras e de soluções a implementar no concelho de Beja: são estas, em linhas gerais, as grandes metas da iPP-Iniciativa de Participação Pública, a nova aposta da Empresa Municipal de Água e Saneamento (EMAS) de Beja na área da Educação e da Sensibilização Ambiental.
07h00 - quinta, 17/10/2019
Convívio de docentes
do concelho de Odemira
Dar as boas-vindas aos professores cerca de 400 docentes que em 2019-2020 vão ensinar nos 46 estabelecimentos de ensino do concelho é o grande objectivo do Convívio Anual do Docente, que a Câmara de Odemira promove nesta quinta-feira, 17.
09h55 - quarta, 16/10/2019
Acidente na A2 perto de Aljustrel provoca um morto
Um morto e dois feridos é, para já, o resultado da colisão entre um veículo pesado e uma carrinha de transporte de valores na Auto-estrada do Sul (A2), na zona de Aljustrel.
07h00 - quarta, 16/10/2019
CIMBAL aprova
orçamento para 2020
O conselho intermunicipal da Comunidade Intermunicipal do Baixo Alentejo (CIMBAL) aprovou na segunda-feira, 14, por unanimidade, as Grandes Opções do Plano, Orçamento e Mapa de Pessoal para o ano de 2020.
07h00 - quarta, 16/10/2019
Biblioteca de Odemira
recebe exposição sobre
dieta mediterrânica
A Biblioteca Municipal José Saramago, em Odemira, tem patente até ao dia 29 de Outubro a exposição "Dieta Mediterrânica Património Cultural Imaterial da Humanidade", elaborada pela Câmara de Tavira.

Data: 11/10/2019
Edição n.º:

Contactos - Publicidade - Estatuto Editorial