07h00 - sexta, 17/05/2019

Fontes Bárbaras
tem nova adega

Fontes Bárbaras tem nova adega

Mais espaço e maior capacidade para trabalhar na qualidade: são estas as principais mais-valias da nova adega da Herdade das Fontes Bárbaras, na freguesia de Entradas (Castro Verde). As obras de ampliação da adega foram inauguradas no último sábado, 11 de Maio, e representam "a concretização de um sonho" para o proprietário da herdade.
"Já tínhamos uma adega, mas era pequena. Agora temos uma adega a sério, com uma sala de provas como deve ser e todas as condições para receber as pessoas. E isso é a concretização de um sonho", reconhece Diogo Perdigão em declarações ao "CA".
De acordo com o produtor, a Herdade das Fontes Bárbaras conta actualmente com 25 hectares de vinha em produção, a que se juntarão mais 17 a partir da vindima de 2020. A produção anual ronda os 300 mil litros de vinho, sendo que a renovada adega permitirá uma resposta mais adequada às necessidades da produção.
"Não tínhamos capacidade para a área de vinha que temos", admite Diogo Perdigão, vincando que a nova adega possibilitará melhorar a qualidade do produto final. "Essa foi sempre a nossa aposta, ou seja, não ter vinho só por ter. Mas tínhamos um grande défice de espaço, porque o vinho engarrafado tem de estagiar em garrafa. E esta adega agora dá-nos essas condições para termos cada vez melhores vinhos. E é isso que queremos: passar para outro patamar", diz.
Presentes no mercado desde 2011, os vinhos da Herdade das Fontes Bárbaras têm vindo a conquistar cada vez mais clientes, sobretudo no Baixo Alentejo e também já no Algarve. "Agora daqui para a frente é que vamos ter área para termos mais vinho engarrafado para o mercado consumir", nota Diogo Perdigão, adiantando que o mercado principal da adega são os particulares. "Mas está a haver alguma procura por parte de garrafeiras e de alguns restaurantes, que estão a começar a gastar os nossos vinhos", diz.
Além do mais, continua Diogo Perdigão, a nova adega também reforça a vertente turística da herdade, onde já funciona uma unidade de turismo rural. "As pessoas podem visitar a adega, mesmo sem marcação, e ver toda esta área de vinha, que está formidável. Parece um oásis", conclui sorridente.


COMENTÁRIOS

* O endereço de email não será publicado
07h00 - quinta, 12/12/2019
Câmara de Beja vende
nove lotes industriais
A Câmara de Beja concretizou na terça-feira, 10, a venda de nove lotes na Zona de Acolhimento Empresarial Norte para a instalação de equipamentos industrais e de apoio à actividade económica, num montante total de pouco mais de 212 mil euros.
07h00 - quarta, 11/12/2019
Projecto "PlaCarvões"
recebe prémio regional
O projecto "PlaCarvões: De Plásticos a Carvões Activados-Economia circular nos plásticos agrícolas e urbanos", venceu o prémio "Economia Circular nas Instituições Não Empresariais do Alentejo", atribuído pela ADRAL e pela CCDR do Alentejo.
07h00 - quarta, 04/12/2019
Comitiva da Esdime
de visita à França
A cooperativa Esdime, com sede em Messejana, promove até sexta-feira, 6, uma missão técnica com representantes do Baixo Alentejo à região francesa de Hauts-de-France, no sentido de conhecer as boas práticas praticadas localmente ao nível "do empreendedorismo agrícola", da "valorização da produção" ou da "transição energética e ecológica".
07h00 - terça, 03/12/2019
EMAS Beja não
aumenta preço
da água em 2020
A Empresa Municipal de Água e Saneamento (EMAS) de Beja não vai aumentar as tarifas da água e saneamento no próximo ano de 2020, garante ao "CA" o adminstrador-executivo da intituição.
07h00 - terça, 03/12/2019
Campanha de Natal
no comércio local do
concelho de Odemira
Apelar ao consumo no comércio tradicional é o objectivo da campanha "Natal é no Comércio Local", que a Câmara de Odemira promove até 6 de Janeiro em parceria com os comerciantes do concelho.

Data: 06/12/2019
Edição n.º:

Contactos - Publicidade - Estatuto Editorial