07h00 - segunda, 15/07/2019

PCP questiona sobre
acidentes na mina de Aljustrel

PCP questiona sobre acidentes na mina de Aljustrel

O PCP pretende saber que tipo de acompanhamento tem sido realizado, nos últimos 10 anos, pela Autoridade para as Condições de Trabalho à Almina, empresa que tem a concessão das minas de Aljustrel.
A questão surge na pergunta apresentada na Assembleia da República, e dirigida ao ministro do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social, pelos deputados comunistas João Dias e Rita Rato após na passada semana um trabalhador ter ficado ferido com gravidade na sequência de uma electrocussão na mina.
Na pergunta, os deputados do PCP recordam que "têm sido recorrentes as notícias de acidentes de trabalho" nas minas de Aljustrel, sendo que "só nos últimos meses dois trabalhadores perderam a vida".
João Dias e Rita Rato lembram igualmente a "denúncia reiterada do Sindicato dos Trabalhadores da
Indústria Mineira (STIM) relativa à contratação de trabalhadores sem formação específica para desempenho de trabalho prestado por mineiro, quando de facto é esse o conteúdo funcional das tarefas prestadas pelos trabalhadores".
"Na verdade, a precariedade e a sub-contratação andam de mãos dadas com a ausência de formação específica e reconhecimento de direitos específicos destes trabalhadores que fomentam o risco de acidentes de trabalho", acrescentam.
Nesse sentido, os dois eleitos do PCP, além de questionarem sobre o acompanhamento que tem sido realizado, nos últimos 10 anos, pela ACT à Almina, solicitam igualmente "o envio das conclusões" destas acções inspectivas.
João Dias e Rita Rato querem também saber quando serão tomadas as "medidas necessárias, em articulação com entidades patronais e organizações representativas dos trabalhadores, para realizar uma campanha nacional de fiscalização e prevenção de acidentes de trabalho e doenças profissionais na indústria mineira".


Notícias Relacionadas

COMENTÁRIOS

* O endereço de email não será publicado
07h00 - sexta, 24/01/2020
Beja vai receber
ministros de
17 países da UE
A cidade de Beja vai receber, no próximo dia 1 de Fevereiro (sábado), a reunião anual do Grupo dos Amigos da Coesão da União Europeia (EU), que juntará os primeiros-ministros e ministros de Portugal, República Checa, Grécia, Lituânia, Polónia, Eslováquia, Eslovénia, Chipre, Croácia, Estónia, Hungria, Letónia, Bulgária, Malta, Roménia, Espanha e Itália.
07h00 - sexta, 24/01/2020
Três detidos por
tráfico em Beja
A GNR deteve nesta quarta-feira, 22, em, Beja, três homens, com idades entre os 24 e os 34 anos, por suspeitas da prática do crime de tráfico de estupefacientes no concelho.
07h00 - sexta, 24/01/2020
Autarcas reúnem com
presidente da ANACOM
Os autarcas do distrito de Beja reúnem nesta sexta-feira, 24, na sede da Comunidade Intermunicipal do Baixo Alentejo (CIMBAL), com o presidente da ANACOM-Autoridade Nacional de Comunicações.
07h00 - sexta, 24/01/2020
Estrada Nacional 2
é um "buraco pegado"
A 26 de Janeiro de 2018 a Infra-estruturas de Portugal (IP) anunciava, através do "CA", que ia avançar com uma empreitada de "grande requalificação" em parte do troço da Estrada Nacional (EN) 2 que liga Aljustrel a Castro Verde.
07h00 - quinta, 23/01/2020
Câmara de Aljustrel exige
obras na Estrada Nacional 2
A Câmara de Aljustrel apresentou nesta terça-feira, 21, nova exposição ao ministro das Infra-estruturas e da Habitação, Pedro Nuno Santos, sobre o mau estado em que se encontro o troço Aljustrel-Castro Verde da Estrada Nacional (EN) 2.

Data: 24/01/2020
Edição n.º:

Contactos - Publicidade - Estatuto Editorial