07h00 - quinta, 07/11/2019

Câmara quer
melhor serviço dos
CTT em Castro

Câmara quer melhor serviço dos CTT em Castro

A "fragilidade do serviço" na Estação dos CTT em Castro Verde e a "irregular e tardia distribuição de correspondência" no concelho está a preocupar a Câmara Municipal local, que já solicitou reuniões com a administração da empresa postal e com o Ministério das Infra-estruturas, para exigir a reposição dos serviços com a normalidade desejada. Em paralelo, a autarquia está a preparar uma exposição sobre a situação dos CTT em Castro Verde para apresentar à ANACOM-Autoridade Nacional de Comunicações, entidade que regula o sector das comunicações, incluindo as postais.
Em comunicado enviado ao "CA", a Câmara de Castro Verde "manifesta publicamente o seu profundo desagrado e preocupação com a acelerada degradação dos serviços dos CTT" no concelho, "que, nas últimas semanas, se agravou de modo inaceitável".
"Neste momento, além da evidente fragilidade do serviço na Estação de Castro Verde e da irregular e tardia distribuição de correspondência nesta vila, estamos igualmente confrontados com graves problemas nas diferentes freguesias, ao ponto de a distribuição não estar a ser assegurada com normalidade. Muito longe disso", observa a autarquia.
No comunicado, a Câmara de Castro Verde diz ainda parecer ser "claro que a empresa CTT – Correios de Portugal, sobretudo depois do incompreensível processo de privatização, tem vindo a reduzir o quadro de pessoal e, desse modo, a prejudicar claramente as populações e o seu direito a um serviço postal público de qualidade".
"A Câmara Municipal de Castro Verde rejeita totalmente a situação com que estamos confrontados no concelho e exige à empresa CTT – Correios de Portugal que reponha urgentemente os serviços com a normalidade que todos desejamos e precisamos", conclui o comunicado da edilidade castrense.


COMENTÁRIOS

* O endereço de email não será publicado
07h00 - terça, 18/02/2020
Ourique constrói novas ETAR
em Grandaços e Santana da Serra
A Câmara de Ourique vai investir um total de cerca de 283 mil euros nas novas estações de tratamento de águas residuais (ETAR) nas aldeias de Grandaços (já construída) e de Santana da Serra (em construção).
07h00 - terça, 18/02/2020
EMAS faz obras
em Santa Vitória
A Empresa Municipal de Água e Saneamento (EMAS) de Beja vai iniciar, já no mês de Março, uma intervenção na rede de água da aldeia de Santa Vitória, num investimento avaliado em cerca de 28 mil euros.
07h00 - terça, 18/02/2020
CM Odemira atribui
bolsas de estudo
A Câmara de Odemira vai atribuir, neste ano lectivo de 2019-2020, um total de 61 bolsas de estudo a alunos do concelho que frequentam o ensino superior e três prémios de mérito para alunos do ensino secundário, num investimento de quase 75 mil euros.
07h00 - segunda, 17/02/2020
"PS presta contas"
na cidade de Beja
O Beja Parque Hotel, na cidade de Beja, recebe nesta segunda-feira, 17, pelas 21h00, a iniciativa "PS Presta Contas", que contará com a presença na ministra da Modernização do Estado e da Administração Pública, Alexandra Leitão.
07h00 - segunda, 17/02/2020
Saúde no concelho de Odemira
preocupa deputados do PS
Os dois deputados do PS eleitos por Beja questionaram a ministra da Saúde sobre as carências na área da Saúde verificadas no concelho de Odemira e sobre a escassez de profissionais de saúde e de equipamentos no Hospital do Litoral Alentejano.

Data: 07/02/2020
Edição n.º:

Contactos - Publicidade - Estatuto Editorial