07h00 - segunda, 12/10/2020

Ana Gomes defende
aposta no aeroporto de Beja

Ana Gomes defende aposta no aeroporto de Beja

Ana Gomes, candidata à Presidência da República, defendeu neste domingo, 11, em Aljustrel, o aproveitamento do aeroporto de Beja, em detrimento da construção de um novo aeroporto no Montijo.
A candidata esteve à conversa com apoiantes no Espaço Oficinas, no âmbito da iniciativa "Cuidar de Portugal", e aproveitou a ocasião para sublinhar a ideia de que o aeroporto de Beja, na sua opinião, "está completamente desaproveitado e devia ser aproveitado pelo Estado português".
"Ainda por cima agora que, à conta da pandemia e desta crise na aviação, se concluiu que é absurdo ir-se investir no Montijo, com as implicações ambientais que este projecto tem", disse Ana Gomes.
Para a candidata a Belém, este é o momento "de se repensar e pensar na utilização do aeroporto de Beja", considerando que esta infra-estrutura tem "capacidade" para ser "um aeroporto estruturante para o centro e sul do país".
Para tal, acrescentou, é necessário que o mesmo seja servido por uma via ferroviária "de alta velocidade", dando o exemplo de Tóquio (Japão), "onde o aeroporto fica a quatro horas de distância por estrada, mas que de comboio se faz por muito menos tempo".
Ana Gomes vincou ainda que também o Porto de Sines, outro dos pilares do "triângulo estratégico" para o desenvolvimento do Alqueva, "é uma infra-estrutura crítica da maior importância para a Europa", advogando que este "não pode ser gerido com uma perspectiva tacanha e limitada".
Por tudo isto, a candidata presidencial disse entender ser este o tempo de equacionar os "projectos estruturantes" para o país e de, simultaneamente, "haver coragem política" para tomar determinadas decisões.
"E sendo o governo quem governa, o papel de quem elegemos para a Presidência da República pode ser importante para congregar as pessoas, para as fazer reflectir, para as impulsionar a tomar a decisão que precisa ser tomada. Para não continuarmos a desaproveitar infra-estruturas que existem e que podem ser estruturantes para o desenvolvimento nacional e regional", disse.
O combate à corrupção, a economia social, o voluntariado e a regionalização foram outros dos temas abordados durante a sessão por Ana Gomes, que terminou a iniciativa... a cantar o hino nacional.


COMENTÁRIOS

* O endereço de email não será publicado
07h00 - quarta, 25/11/2020
GNR sinaliza 3.403 idosos sozinhos
ou isolados no Baixo Alentejo
Um total de 3403 idosos foram sinalizados pela GNR nos 14 concelhos do distrito de Beja por viverem sozinhos e/ou isolados.
07h00 - quarta, 25/11/2020
Odemira entrega prémios
"Espírito Empreendedor"
Um projecto na área da cosmética e um "restaurante sobre rodas" são os vencedores da quinta edição dos prémios "Espírito Empreendedor"em 2020, promovido pela Câmara de Odemira no âmbito do Odemira Empreende-Programa Municipal de Empreendedorismo e Emprego.
07h00 - terça, 24/11/2020
Almodôvar distinguida
como "Autarquia
Familiarmente Responsável"
A Câmara de Almodôvar foi distinguida, pela quinta vez consecutiva, com o galardão de "Autarquia Familiarmente mais Responsável", atribuído pelo Observatório das Autarquias Familiarmente Responsáveis, que acompanha as melhores práticas em matéria de responsabilidade familiar nas políticas locais.
07h00 - terça, 24/11/2020
EMAS de Beja retoma
projecto "Heróis
da Água" nas escolas
A Empresa Municipal de Água e Saneamento (EMAS) de Beja retomou, na passada semana, o projecto "Heróis da Água", direccionado para os alunos do primeiro ciclo do ensino básico do concelho.
07h00 - terça, 24/11/2020
Igreja Matriz de Aljustrel
vai ter obras de requalificação
Já está aprovada a candidatura para recuperação e beneficiação da Igreja Matriz de Aljustrel, investimento a rondar os 200 mil euros que permitirá "a conservação e reabilitação deste importante monumento" e "ícone do património religioso, cultural e arquitectónico no concelho".

Data: 20/11/2020
Edição n.º:

Contactos - Publicidade - Estatuto Editorial