11h12 - quinta, 25/06/2015

Verão


Vítor Encarnação
O Verão é claramente feminino.
Se querem saber, eu acho que o Verão é uma mulher madura, daquelas em que o corpo é um pão quente para pôr manteiga e comer côdea e miolo. E lamber os dedos.
Numa crepitante pele de trigo, derretem-se a manteiga e os homens.
A terra, toda ela, principalmente a mais interior, é um vulcão aceso, ardendo em lume brando. Parece imóvel e descansada. Serena e quieta. Mas não, no seu seio, há sinais de fumo, pensamentos em ala, palavras que são labaredas, bichinhos de fogo, fantasias atiçando brasas. Por baixo do calor que se sente com os olhos, parece que há um inferno a arder.
O silêncio é maior no Verão. É na calma do mundo alentejano que ele atinge a sua plenitude. É como se fosse um enorme aquário de ar cozido, onde rastejam bichos, se imobilizam os animais domésticos e os relógios dormem a folga à sombra de uma parreira.
O silêncio é um saco cheio de coisas paradas, com o sol escaldante a tapar-lhe a boca. Neste borralho, a matéria desiste. Debaixo desta torreira, a vida fica torpe e parte a corda do tempo.
E lá ao fundo parece haver água que se agita e burbureja, mas quando lá chegamos encontramos apenas um chão duro e morto.
Não, não me esqueci de que o Verão é mulher. É também por isso que a terra se abre em fendas.
No Estio, o Alentejo é uma mulher feita deitada de costas.
As oliveiras fazem de cabelos em desalinho. Uma eira limpa faz de rosto. O sol de lábios. Duas guaritas de peitos. O umbigo faz de vale pequenino. Os braços duas veredas que nos levam. As pernas duas estradas que se afastam. E no fim o restolho.



Outros artigos de Vítor Encarnação

COMENTÁRIOS

* O endereço de email não será publicado
07h00 - sexta, 17/05/2019
Descentralização de competências:
"Estamos a dar um passo enorme"
Em entrevista ao "CA" o secretário de Estado das Autarquias Locais avalia a forma como os municípios estão a responder ao processo de descentralização de competências do Estado nas câmaras municipais, juntas de freguesia e comunidades intermunicipais.
07h00 - sexta, 17/05/2019
Fontes Bárbaras
tem nova adega
Mais espaço e maior capacidade para trabalhar na qualidade: são estas as principais mais-valias da nova adega da Herdade das Fontes Bárbaras, na freguesia de Entradas (Castro Verde).
07h00 - sexta, 17/05/2019
Campanha da CDU
no distrito de Beja
O cabeça-de-lista da CDU nas eleições Europeias de 2019, agendadas para 26 de Maio, vai estar nesta sexta-feira, 17, no distrito de Beja, passando por quatro concelhos em campanha.
11h00 - quinta, 16/05/2019
CDS faz campanha para
as Europeias em Beja
A campanha do CDS-PP para as eleições Europeias 2019, agendadas para 26 de Maio, passa nesta quinta-feira, 16, pelo distrito de Beja, com duas acções com o cabeça-de-lista Nuno Melo.
07h34 - quinta, 16/05/2019
Historiador de Beja
vai dirigir MNAA
O bejense Joaquim Caetano vai ser o novo director do Museu Nacional de Arte Antiga (MNAA), em Lisboa, a partir do próximo mês de Junho, anunciou nesta semana a ministra da Cultura, Graça Fonseca.

Data: 17/05/2019
Edição n.º:
Contactos - Publicidade - Estatuto Editorial