15h00 - quinta, 08/03/2018

A riqueza de Mértola


Carlos Pinto
O ministro da Cultura esteve nesta semana em Mértola e reconheceu aquilo que há muito é uma certeza: a vila tem todas as condições para ser Património Mundial da Humanidade. Porque seja pela beleza natural "espelhada" nas águas do Guadiana, seja pela riqueza do seu património histórico-arqueológico que nos chega desde o tempo dos romanos e dos árabes, é óbvio para todos que Mértola é uma das localidades mais belas do país e carrega em si um potencial de visitação turística imenso.
Não é, portanto, de estranhar que a autarquia local venha a trabalhar desde há anos numa candidatura para a classificação de Mértola como Património da Humanidade pela Unesco, estando a vila já inscrita na Lista Indicativa de Portugal à Unesco. O caminho a percorrer ainda é longo mas certamente valerá a pena, até porque que a classificação de uma localidade enquanto Património da Humanidade é muito mais que um selo que confere importância aos vestígios histórico-arquitectónicos que aí se encontram.
Ser classificado como Património da Humanidade permite também a estas cidades, vilas ou aldeias ganharem novas ferramentas para a preservação da sua memória colectiva e para a dinamização dos seus usos e costumes. E depois, como sempre, há o lado económico da questão, uma vez que esta distinção colocará Mértola no "roteiro" de todos os turistas do mundo, atraindo para as suas ruas milhares de visitantes. Veja-se os casos de Évora, de Elvas ou de Sintra, onde os turistas que por lá passam anualmente fazem mexer a economia local e permitem a criação de novas dinâmicas sociais.
É este o futuro que Mértola merece: um futuro onde história e desenvolvimento andem de "mãos dadas". O caminho a percorrer ainda é longo, mas será seguramente bem-sucedido.



Outros artigos de Carlos Pinto

COMENTÁRIOS

* O endereço de email não será publicado
07h00 - quarta, 20/06/2018
Jovens "cientistas"
de Odemira premiadas
Imagine-se uma pequena larva capaz de comer e digerir esferovite.
07h00 - quarta, 20/06/2018
Goleador Tino vai
regressar ao Mineiro
Na próxima temporada de 2018-2019 o Mineiro Aljustrelense vai lutar pelo título distrital da 1ª divisão (e consequente subida ao nacional), garante o recém-eleito presidente do clube tricolor.
07h00 - quarta, 20/06/2018
ANAFRE reuniu com
autarcas do litoral
O provável encerramento da agência da Caixa Geral de Depósitos em Colos, no concelho de Odemira, vai ser discutido na próxima reunião do conselho directivo da Associação Nacional de Freguesias (ANAFRE), que se realiza na sexta-feira, 22.
07h00 - terça, 19/06/2018
AgdA investe no abastecimento
ao concelho de Odemira
A empresa Águas Públicas do Alentejo (Agd) vai investir cerca de 2,6 milhões de euros na melhoria do abastecimento de água às localidades de Fornadas Velhas (Odemira), Foros do Locário e Ermidas-Sado (Santiago do Cacém) a partir da ETA do Roxo.
07h00 - terça, 19/06/2018
Misericórdia de Ourique
requalificou creche
A Santa Casa da Misericórdia de Ourique (SCMO) inaugura nesta terça-feira, 19, pelas 11h30, o edifício da creche e pré-escolar Carlos Manuel Castro e Nunes, que foi alvo de profundas obras de requalificação.

Data: 15/06/2018
Edição n.º:
Contactos - Publicidade - Estatuto Editorial