10h09 - quinta, 11/07/2019

Dar a mão à palmatória


Carlos Pinto
Os CTT preparam-se para travar o encerramento de lojas e, em simultâneo, reassumir a gestão de grande parte dos balcões que foram concessionados a terceiros ao longo do passado ano de 2018. Uma pretensão anunciada pelo presidente da administração da empresa, João Bento, em plena Assembleia da República, que deve ser concretizada ao longo dos próximos meses, sendo (quase) certa a reabertura das lojas encerradas em localidades que são sedes de concelho, casos de Aljustrel, Almodôvar e Ourique (entre outros exemplos no distrito de Beja).
Ao tomar esta medida, a administração dos CTT dá a "mão à palmatória" e assume, desde logo, que errou. E errou porque ao concessionar a terceiros algumas das suas lojas colocou em causa um serviço público indispensável e inestimável que era prestado às populações afectadas. Ainda mais em territórios como o Baixo Alentejo, de baixa densidade e com fracos níveis de literacia digital, onde uma estação dos Correios é mais que um mero balcão para levantar encomendas ou pagar facturas.
"Não corrigir as próprias falhas é cometer a pior delas", escreveu há séculos Confúcio, numa tirada de sabedoria que deveria ser conhecida de todos os gestores, sobretudo aqueles que lidam com a causa pública. Sim, porque os CTT são (inexplicavelmente, mas isso é outra história...) uma empresa privada, ainda que continuem a prestar serviço público. É por isso que esta decisão da actual administração da empresa vem em boa hora… apesar de chegar atrasada, como alguma correspondência!



Outros artigos de Carlos Pinto

COMENTÁRIOS

* O endereço de email não será publicado
07h00 - quarta, 18/09/2019
MFS com candidatura
a fundos comunitários
para reabrir em Moura
Um grupo empresarial apresentou uma candidatura, na CCDR Alentejo, visando o desenvolvimento de um projecto ligado às energias renováveis e a outras componentes da fileira energética nas instalações da antiga Moura Fábrica Solar (MSF).
07h00 - quarta, 18/09/2019
Aulas de dança
em Almodôvar com
novos horários
A escola de dança da associação Almovimento, de Almodôvar, tem novos horários desde o início deste mês de Setembro, altura em que recomeçaram as aulas com o professor Fábio Duarte na Casa do Povo.
07h00 - quarta, 18/09/2019
Novos trilhos pedonais
no concelho de Aljustrel
A Câmara de Aljustrel viu aprovada, pelo Alentejo 2020, a candidatura a financiamento apresentada para o projecto que visa a criação de uma série de percursos pedonais no concelho.
17h07 - terça, 17/09/2019
Incêndio em Panóias
corta trânsito no IC1
Um incêndio numa zona de mato na área da União de Freguesias de Panóias e Conceição, no concelho de Odemira, está a ser combatido por 69 bombeiros e obrigou ao corte do IC1 nos dois sentidos entre a Estação de Ourique e o cruzamento de Panóias.
15h57 - terça, 17/09/2019
Faleceu ex-vereadora
da Câmara de Castro
Faleceu nesta terça-feira, 17 de Setembro, Maria Alice Guerreiro, de 72 anos, que foi vereadora da Câmara Municipal de Castro Verde, eleita pela CDU, no mandato de 1993 a 1997.

Data: 13/09/2019
Edição n.º:

Contactos - Publicidade - Estatuto Editorial