00h00 - domingo, 12/11/2017

Universidade Sénior
vai nascer em Ourique

Universidade Sénior vai nascer em Ourique

O projecto da Universidade Sénior do Concelho de Ourique (USCO) já está em marcha e as aulas deverão começar em breve, numa iniciativa promovida pela Associação "Nossa Terra", sedeada na Aldeia de Palheiros.
O projecto, dinamizado em parceria com a Câmara Municipal e as juntas de freguesia, há muito que vinha a ser idealizado pela associação, que com a USCO pretende combater o isolamento social, promovendo as relações interpessoais e o envelhecimento activo.
"Queremos demonstrar-lhes [aos idosos] que estarem numa idade avançada não significa que não possam adquirir conhecimentos ou ter novas competências. É isso que nos motiva", adianta ao "CA" Marta Afonso.
A presidente da Associação "Nossa Terra" espera que a USCO seja "bem sucedida em termos de participação", até porque ao longo dos últimos anos este foi necessidade várias vezes manifestada pelos idosos que aderem às suas iniciativas,
"Temos tido alguns projectos, como o CASA-Centro de Apoio à Solidão na Aldeia, e das actividades que realizamos percebemos que aquelas que mais os estimulam e que maior motivação causa são aquelas onde adquirem conhecimento", sublinha Marta Afonso.
O projecto destina-se a todos os residentes no concelho de Ourique com idade igual ou superior a 50 anos, que depois poderão frequentar a USCO em cinco diferentes localidades: Ourique, Panóias, Garvão, Santana da Serra e Aldeia de Palheiros.
"Pensámos a USCO numa lógica de tentar chegar ao maior número possível de pessoas", justifica Marta Afonso, garantindo que a ideia é alargar ainda mais a rede no futuro.
"O projecto poderá abranger outras localidades do concelho, como os Grandaços ou a Favela. A nossa ideia é que a USCO tenha pólos em todo o concelho, que é grande e onde as pessoas mais idosas têm alguma dificuldade em deslocar-se. Ou seja, a ideia é a USCO ir ao encontro das pessoas", conclui.


COMENTÁRIOS

* O endereço de email não será publicado
00h00 - segunda, 16/07/2018
Problemas graves na
Basílica de Castro Verde
Depois de um Inverno e uma Primavera particularmente chuvosos, o estado de degradação da Basílica Real de Castro Verde é cada vez mais evidente e preocupante.
00h00 - segunda, 16/07/2018
Intercidades volta
a Amoreiras-Gare
Cinco de Agosto: é esta a data definida pela empresa Comboios de Portugal (CP) para o início das paragens do Intercidades na estação Amoreiras-Odemira, em Amoreiras-Gare.
00h00 - domingo, 15/07/2018
CDU contra final
da feira RuralBeja
A CDU contesta a decisão da Câmara Municipal de Beja, liderada pelo socialista Paulo Arsénio, de não dar continuidade à feira RuralBeja, que decorria no mês de Outubro.
00h00 - domingo, 15/07/2018
"Heróis da Água" é
sucesso nas escolas
O projecto "Heróis da Água", promovido pela Empresa Municipal de Água e Saneamento (EMAS) de Beja, voltou a ter uma grande receptividade da comunidade escolar em 2017-2018, passando por cerca de 20 escolas do concelho de Beja.
01h00 - sábado, 14/07/2018
PCP questiona Governo
sobre Linha do Alentejo
O PCP quer saber por que razão o Governo decidiu avançar com os projectos técnicos para a electrificação da Linha do Alentejo apenas no troço entre Casa Branca e Beja, excluindo a restante ligação até à Funcheira e à Linha do Sul.

Data: 13/07/2018
Edição n.º:
Contactos - Publicidade - Estatuto Editorial