07h00 - terça, 12/02/2019

ACT investiga acidente
nas minas de Aljustrel

ACT investiga acidente nas minas de Aljustrel

A Autoridade para as Condições do Trabalho já abriu um inquérito para apurar as causas e circunstâncias do acidente ocorrido nesta segunda-feira, 11, nas minas de Aljustrel, que causou uma vítima mortal, de 46 anos, e um ferido grave, de 25.
O acidente vai também ser investigado pelas empresas Almina, concessionária das minas, e Empresa de Perfuração e Desenvolvimento Mineiro (EPDM), onde as duas vítimas trabalhavam.
O acidente ocorreu às 11h11 de segunda-feira, numa galeria mineira, quando a carrinha em que seguiam os dois trabalhadores caiu para um fosso com 30 a 40 metros de profundidade. O sinistro causou a morte a um homem de 46 anos e ferimentos graves a outro de 25 anos, que se encontra hospitalizado em Beja.
No local estiveram os Bombeiros Voluntários de Aljustrel, INEM e GNR.
Entretanto, em comunicado, a Câmara de Aljustrel veio a público lamenta o acidente ocorrido na mina, enviando "um forte abraço de solidariedade a toda a comunidade mineira e, em particular, aos trabalhadores da mina de Aljustrel neste momento tão doloroso".
No comunicado emitido nesta terça-feira, 12, a autarquia revela que o presidente da Câmara Municipal esteve sempre em contacto com o Centro Distrital de Operações de Socorro, com o técnico da Protecção Civil Municipal presente no local do acidente e com os responsáveis da empresa mineira.
Também a família do ferido internado no hospital em Beja foi contactada pela Câmara Municipal, "que prestou informações permanentes sobre o estado de saúde do acidentado, colocando-se ao dispor desta os serviços municipais", adianta a autarquia.
O Município articulou, igualmente, com a empresa mineira e com os serviços de saúde, "a prestação de apoio psicológico aos familiares da vítima mortal do acidente, a quem se endereçam sentidas condolências", acrescenta o comunicado da Câmara de Aljustrel.

Notícia actualizada às 13h57 de terça-feira, 12, com o comunicado da Câmara Municipal de Aljustrel


COMENTÁRIOS

* O endereço de email não será publicado
07h00 - sexta, 15/02/2019
CPCJ de Castro Verde
aposta na prevenção em 2019
"Atacar" as áreas em que o tecido social do concelho "revela maiores fragilidades": é esta grande meta do plano de intervenção da Comissão de Protecção de Crianças e Jovens (CPCJ) de Castro Verde para 2019.
07h00 - sexta, 15/02/2019
Marciano ou Gonçalo? PSD escolhe novo líder
De um lado surge um militante histórico, fundador do partido na região e que teve grande actividade política durante o período "cavaquista"; do outro lado um jovem social-democrata, que presidiu fugazmente a uma das mais importantes concelhias do partido no Baixo Alentejo (a de Ourique) e que tem sido um dos "rostos" mais visíveis na região no apoio a Rui Rio.
07h00 - sexta, 15/02/2019
Presidentes
de assembleias
municipais reúnem
A sede da Comunidade Intermunicipal do Baixo Alentejo (CIMBAL) recebe nesta sexta-feira, 15, durante a tarde, um encontro com os presidentes das assembleias municipais do distrito.
07h00 - quinta, 14/02/2019
Portagem na A26 tem de
avançar até 14 de Março
Durante a reunião com os autarcas da região em Beja, o ministro Pedro Marques garantiu ainda que foi dado um prazo, até ao dia 14 de Março, para a concessionária iniciar a obra da portagem da A26 relativa ao troço, já construído, entre Malhada Velha e o nó da A2 em Santa Margarida do Sado.
07h00 - quinta, 14/02/2019
Governo garante construção
de variante em Aljustrel
O ministro do Planeamento e Infra-estruturas garantiu nesta quarta-feira, 13, em Beja, que a construção da variante rodoviária à vila de Aljustrel vai constar no Programa Nacional de Investimentos (PNI) 2030.

Data: 08/02/2019
Edição n.º:
Contactos - Publicidade - Estatuto Editorial