09h00 - quarta, 10/07/2019

Detidos no Alentejo por suspeitas de tráfico de pessoas

Detidos no Alentejo por suspeitas de tráfico de pessoas

Dois homens, irmãos e oriundos do Leste da Europa, foram detidos nesta terça-feira, 9, pelo Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF) por suspeitas dos crimes de tráfico de pessoas, auxílio à imigração ilegal e angariação de mão-de-obra ilegal.
Fonte do SEF adianta ao "CA" que a operação "Fratello (irmão)" decorreu nas zonas de Alcácer do Sal e de Beja, sendo resultado de uma investigação ordenada pelo Ministério Público de Évora, com origem numa denúncia.
A operação contou com o envolvimento de 24 operacionais do SEF e os detidos são presentes ao tribunal competente nesta quarta-feira, 10, para aplicação das respectivas medidas de coacção.
De acordo com o SEF, a operação "Fratello" levou "à identificação de 15 cidadãos de nacionalidade estrangeira, oriundos do Leste europeu, os quais viviam, na sua maioria, sujeitos a condições degradantes no que diz respeito às condições de trabalho, alojamento e salubridade".
"Tratam-se de vítimas de exploração laboral, na sua maioria do sexo masculino", acrescenta o SEF, garantindo que estes cidadãos "foram devidamente sinalizadas como vítimas de tráfico de seres humanos, tendo sido disponibilizado todo o apoio necessário".
Durante as buscas foi igualmente apreendido "diverso material de prova da actividade criminosa, como dinheiro, telemóveis e computadores portáteis, assim como 11.000 cigarros artesanais, agrupados em maços de 20, que eram vendidos aos trabalhadores, cujo valor era deduzido dos salários".
O SEF explica ainda que os dois cidadãos detidos "recrutavam os trabalhadores a partir dos países de origem, através do aliciamento por melhores condições de vida". "Já em território nacional as vítimas acabavam por ser exploradas em herdades agrícolas, na preparação da campanha da azeitona. Muitos deles acabaram privados da respectiva remuneração e com recurso a violência física", acrescenta.
No decorrer da investigação já haviam sido sinalizadas outras cinco vítimas de tráfico, as quais se encontram actualmente em casas seguras.


COMENTÁRIOS

* O endereço de email não será publicado
07h00 - sexta, 19/07/2019
Ourique recebeu
comandante da ANPC
O comandante da Autoridade Nacional da Protecção Civil (ANPC), coronel José Manuel da Costa, visitou nesta quinta-feira, 18, o Centro de Meio Aéreos de Ourique e o quartel dos Bombeiros Voluntários locais.
07h00 - sexta, 19/07/2019
Ministro do Ambiente no distrito de Beja
O ministro do Ambiente e da Transição Energética, João Pedro Matos Fernandes, realiza nesta sexta-feira, 19, um roteiro dedicado à água no distrito de Beja, passando pelos concelhos de Beja, Aljustrel e Odemira, além de Santiago do Cacém.
15h58 - quinta, 18/07/2019
Detido com 329 doses de heroína em Castro Verde
Um homem com 52 anos foi detido "em flagrante delito" nesta quinta-feira, 18, pela GNR em Castro Verde, pelo crime de tráfico de estupefacientes, tendo em sua posse 329 doses de heroína.
07h00 - quinta, 18/07/2019
CM Almodôvar vai requalificar Campo das Eiras
Um espaço de "encontro, interacções, conexões e de manifestações culturais e sociais": é desta forma que a Câmara de Almodôvar apresenta o futuro Complexo Multiusos Campo das Eiras, que irá surgir no lugar do "velhinho" Campo das Eiras, antigo recinto de futebol e onde se realiza anualmente a Feiras das Artes e Cultura de Almodôvar (FACAL).
07h00 - quinta, 18/07/2019
"FACECO é atractiva
para todos os públicos"
Na véspera do arranque de mais uma edição da Feira das Actividades Culturais e Económicas do Concelho de Odemira (FACECO), que se realiza entre sexta-feira e domingo, dias 19 e 21, em São Teotónio, o presidente da Câmara de Odemira revela ao "CA" que o evento é muito importante para o município.

Data: 12/07/2019
Edição n.º:
Contactos - Publicidade - Estatuto Editorial