07h00 - terça, 11/02/2020

PS e CDU
trocam críticas
em Castro Verde

PS e CDU trocam críticas em Castro Verde

PS e CDU de Castro Verde trocaram nos últimos dias diversas críticas, depois da Assembleia Municipal local ter aprovado, na noite de quinta-feira, 6, a contratação de um empréstimo por parte da Câmara Municipal junto do Banco Europeu de Investimento (BEI). Contudo, o empréstimo foi aprovado sem maioria, uma vez que a bancada da CDU optou pela abstenção, o que previsivelmente não permite o indispensável visto por parte do Tribunal de Contas, que exige que processos desta natureza sejam aprovados por maioria.
Perante a recusa da CDU em votar a favor (o que aliás já tinha acontecido noutro empréstimo), o PS de Castro Verde acusa a maioria comunista na Assembleia Municipal de "travar e adiar os processos e a resolução dos problemas" no concelho, "prejudicando claramente a população de Castro Verde".
"Mais uma vez, sem responsabilidade pública, a CDU utilizou a Assembleia Municipal para tentar 'bloquear' os investimentos da Câmara Municipal de Castro Verde", acusam os socialistas em comunicado, acrescentando: "A postura da CDU é incompreensível, porque, votando assim, impede a Câmara Municipal de recorrer a uma linha de crédito com juros muito baixos para apoiar a execução de fundos comunitários, não tendo igualmente implicações na capacidade de endividamento da autarquia".
Segundo o PS, "com esta posição, a CDU impede a Câmara de assegurar financiamento para executar obras muito importantes e há muito tempo por fazer" no concelho, "tal como a requalificação da Rua Morais Sarmento e da Escola Secundária ou a construção da Zona de Actividades Económicas, entre outras".
"A posição inaceitável foi assumida de forma consciente e premeditada, contribuindo assim, mais uma vez, para tentar criar obstáculos à dinâmica de investimento que a maioria PS do executivo municipal tem demonstrado nos últimos dois anos", concluem os socialistas.
Por sua vez, a CDU justifica a sua posição "com o facto de algumas das obras inscritas neste empréstimo ainda não terem candidaturas a financiamento comunitário apresentadas e muito menos aprovadas".
"Reafirmamos que o recurso ao crédito é lícito e eventualmente necessário, mas queremos que os processos sejam limpos, claros e legais", continua a CDU de Castro Verde em comunicado, vincando "que os montantes em causa correspondem apenas à contrapartida financeira da Câmara Municipal para a realização destas obras".


COMENTÁRIOS

* O endereço de email não será publicado
07h00 - terça, 18/02/2020
Ourique constrói novas ETAR
em Grandaços e Santana da Serra
A Câmara de Ourique vai investir um total de cerca de 283 mil euros nas novas estações de tratamento de águas residuais (ETAR) nas aldeias de Grandaços (já construída) e de Santana da Serra (em construção).
07h00 - terça, 18/02/2020
EMAS faz obras
em Santa Vitória
A Empresa Municipal de Água e Saneamento (EMAS) de Beja vai iniciar, já no mês de Março, uma intervenção na rede de água da aldeia de Santa Vitória, num investimento avaliado em cerca de 28 mil euros.
07h00 - terça, 18/02/2020
CM Odemira atribui
bolsas de estudo
A Câmara de Odemira vai atribuir, neste ano lectivo de 2019-2020, um total de 61 bolsas de estudo a alunos do concelho que frequentam o ensino superior e três prémios de mérito para alunos do ensino secundário, num investimento de quase 75 mil euros.
07h00 - segunda, 17/02/2020
"PS presta contas"
na cidade de Beja
O Beja Parque Hotel, na cidade de Beja, recebe nesta segunda-feira, 17, pelas 21h00, a iniciativa "PS Presta Contas", que contará com a presença na ministra da Modernização do Estado e da Administração Pública, Alexandra Leitão.
07h00 - segunda, 17/02/2020
Saúde no concelho de Odemira
preocupa deputados do PS
Os dois deputados do PS eleitos por Beja questionaram a ministra da Saúde sobre as carências na área da Saúde verificadas no concelho de Odemira e sobre a escassez de profissionais de saúde e de equipamentos no Hospital do Litoral Alentejano.

Data: 07/02/2020
Edição n.º:

Contactos - Publicidade - Estatuto Editorial