08h45 - quinta, 27/10/2011

Associações de Patinagem do Alentejo e de Setúbal resolvem diferendo

Associações de Patinagem do Alentejo e de Setúbal resolvem diferendo

Depois de muitas semanas de costas voltadas, as associações de patinagem do Alentejo (APA) e de Setúbal (APS) sentaram-se à mesma mesa na passada semana, numa reunião promovida pela direcção da Federação de Patinagem de Portugal (FPP) e que serviu para ambas as partes resolverem o diferendo que as separava desde o início da temporada.
No centro da polémica estava o facto da APA se recusar a nomear árbitros (e a assumir as inerentes despesas) para os jogos dos campeonatos regionais nos escalões de formação, em virtude da APS ter alegadamente assumido de forma unilateral a organização dessas provas e recebido na totalidade as verbas relativas às taxas de inscrição e de arbitragem pagas pelos clubes do Alentejo.
O caso chegou entretanto às mãos do conselho de disciplina da FPP, que acabou por convocar as duas associações para uma reunião em Lisboa que se revelou conclusiva.
"Primeiro, a APS devolve as taxas de arbitragem que recebe dos clubes do Alentejo à APA e a FPP responsabiliza-se por pagar o remanescente. E vai ser elaborado um protocolo para ser assinado pelas duas partes, para que no futuro as coisas estejam devidamente escritas e não existam surpresas nenhumas. Portanto, do nosso ponto de vista, estamos satisfeitos", sublinha ao "CA" o presidente da associação alentejana, Nuno Palma Ferro.
Entretanto, dias antes da reunião na sede da FPP, a Associação de Patinagem de Setúbal fez chegar à redacção do "CA" um comunicado onde apresentou a sua versão dos factos sobre a polémica com a sua congénere do Alentejo.
"Não existe nenhum desentendimento da nossa parte. O que existiu sim foi uma recusa da APA em aceitar as nossas condições (como entidade organizadora das provas de hóquei em patins), nomeadamente no que diz respeito ao pagamento das taxas de inscrição das equipas dos clubes seus filiados nas nossas provas", refere o documento de sete páginas assinado por toda a direcção da APS.

<b>MAIS INFORMAÇÃO NA EDIÇÃO DE 28 DE OUTUBRO DO "CORREIO ALENTEJO", AMANHÃ NAS BANCAS</b>


COMENTÁRIOS

* O endereço de email não será publicado
07h00 - segunda, 20/05/2019
Odemira exige
medidas para novas
instalações agrícolas
A Assembleia Municipal de Odemira exige ao Governo que sejam tomadas medidas preventivas imediatas "quanto a novos investimentos em instalações agrícolas no território" até que seja produzida decisão definitiva sobre as propostas apresentadas pelo Grupo de Trabalho do Mira para o sector.
07h00 - segunda, 20/05/2019
Obras "dentro de pouco tempo"
na estrada de Santa Bárbara
O presidente da Câmara de Castro Verde confia que as obras de requalificação da Estrada Municipal 508, entre Castro Verde e Santa Bárbara de padrões, e do Caminho Municipal 1139, de Santa Bárbara de padrões para a mina de Neves-Corvo, poderão avançar "dentro de pouco tempo".
07h00 - sexta, 17/05/2019
Descentralização de competências:
"Estamos a dar um passo enorme"
Em entrevista ao "CA" o secretário de Estado das Autarquias Locais avalia a forma como os municípios estão a responder ao processo de descentralização de competências do Estado nas câmaras municipais, juntas de freguesia e comunidades intermunicipais.
07h00 - sexta, 17/05/2019
Campanha da CDU
no distrito de Beja
O cabeça-de-lista da CDU nas eleições Europeias de 2019, agendadas para 26 de Maio, vai estar nesta sexta-feira, 17, no distrito de Beja, passando por quatro concelhos em campanha.
11h00 - quinta, 16/05/2019
CDS faz campanha para
as Europeias em Beja
A campanha do CDS-PP para as eleições Europeias 2019, agendadas para 26 de Maio, passa nesta quinta-feira, 16, pelo distrito de Beja, com duas acções com o cabeça-de-lista Nuno Melo.

Data: 17/05/2019
Edição n.º:
Contactos - Publicidade - Estatuto Editorial