08h36 - quarta, 11/04/2012

Empresa Laranjinha, de Sines, acusada por sindicato de fazer "lock out"

Empresa Laranjinha, de Sines, acusada por sindicato de fazer "lock out"

Um sindicato apresentou esta terça-feira, 10, à Autoridade para as Condições do Trabalho (ACT) uma queixa contra a empresa Laranjinha, de Sines, acusando-a de fazer <i>lock out</i>, ao parar ilegalmente a actividade e impedir o acesso dos trabalhadores.
"Apresentámos uma queixa na delegação de Beja da ACT contra a empresa" Laranjinha, porque "está a fazer <i>lock out</i>", o que "viola" a Constituição e o Código do Trabalho, disse à Lusa Helena Cardoso, do Sindicato dos Trabalhadores da Agricultura e das Indústrias de Alimentação, Bebidas e Tabacos de Portugal.
Segundo a sindicalista, a empresa, que comercializa peixe fresco e congelado, "está a fazer <i>lock out</i>", porque "paralisou ilegalmente a actividade" e, desde segunda-feira, 9, está a "impedir o acesso dos trabalhadores ao local de trabalho".
Após um período de férias, que decorreu entre 28 de Fevereiro e domingo, os 34 trabalhadores da Laranjinha apresentaram-se na segunda-feira ao trabalho e encontraram a empresa "fechada".
Na tarde de terça-feira a gerência da Laranjinha reuniu-se com os trabalhadores e durante a reunião entregou-lhes "um papel para irem para o desemprego, que não tem qualquer fundamento e é ilegal", contou Helena Cardoso.
Durante a reunião, acrescentou, a gerência da Laranjinha "convidou" os trabalhadores, que têm o salário de Março e o subsídio de férias de 2011 "em atraso", a "despedirem-se", através da rescisão dos respectivos contratos de trabalho.
Segundo Helena Cardoso, a empresa Laranjinha já apresentou este ano, em tribunal, dois pedidos de insolvência, sendo que o primeiro foi negado e o segundo aguarda decisão judicial.
A Lusa tentou sem sucesso contactar a gerência da Laranjinha.


COMENTÁRIOS

* O endereço de email não será publicado
07h00 - segunda, 15/10/2018
Obras para minimizar
poeiras em Aljustrel
A Almina–Minas do Alentejo, proprietária das minas de Aljustrel, vai avançar com novas medidas de minimização da dispersão de poeiras, nomeadamente na zona da britagem de superfície e da lavaria na sua área industrial, localizada a oeste da "vila mineira".
07h00 - segunda, 15/10/2018
Aljustrel: Saúde sem registo de alterações
O presidente da Administração Regional de Saúde (ARS) do Alentejo garante que não se têm verificado "alterações nem aumento da procura" dos serviços de Saúde por parte da população de Aljustrel nas patologias que podem ser ligadas à questão da qualidade do ar.
07h00 - segunda, 15/10/2018
Assembleia Municipal de Aljustrel aprova medidas sobre qualidade do ar
A qualidade do ar em Aljustrel foi debatida numa sessão extraordinária da Assembleia Municipal local realizada a 29 de Setembro, que juntou quase 300 pessoas no salão dos Bombeiros Voluntários locais.
07h00 - segunda, 15/10/2018
Ourique na candidatura
do montado à Unesco
Os Paços do Concelho de Ourique receberam no final da passada semana uma reunião de trabalho da candidatura do montado a Património da Humanidade da Unesco, promovida pela Turismo do Alentejo e na qual a Câmara de Ourique é parceira activa.
07h00 - segunda, 15/10/2018
ANAFRE Beja
reuniu na Vidigueira
A direcção da delegação distrital de Beja da Associação Nacional de Freguesias (ANAFRE) promoveu no final da passada semana, na sede da Junta de Freguesia de Visigueira, uma reunião de coordenação.

Data: 12/10/2018
Edição n.º:
Contactos - Publicidade - Estatuto Editorial